Aletria no Dia das Crianças da Fundação Dom Cabral | Aletria Aletria, fdc, fundação dom cabral, oficinas, contação de histórias, alessandra visentin, erro 99, brincadeiras, dia das crianças, infância

Aletria no Dia das Crianças da Fundação Dom Cabral

Publicado: 19/10/2017

Que a Aletria conta histórias arrebatadoras, faz livros lindos e tem as oficinas mais legais, muita gente sabe. Mas você sabia que a Aletria pode levar tudo isso para o seu evento? Chama a gente que é sucesso!  ;)



Semana passada, véspera do dia das crianças, a Aletria ocupou os salões da Fundação Dom Cabral. Oficineiros, brincantes e contadores de histórias parceiros do Instituto Cultural e Editora Aletria encheram a programação do “Meu Mundo de Criança na FDC” de um colorido todo especial. O evento, iniciativa da FDC, teve como proposta trazer os filhos dos seus colaboradores para um dia repleto de diversão no trabalho da mamãe ou do papai. Ótima oportunidade para as crianças conhecerem o trabalho dos pais e vivenciarem um momento único e delicioso, estreitando laços entre pais e filhos.

E olha só o que a Aletria preparou especialmente para esse dia:


HISTÓRIAS E MÚSICAS PARA BEBÊS

com Ana Cristina | 0 a 3 anos





No início da vida, cantar e brincar é fundamental! Estimulo com sons e brincadeiras adaptadas para o universo dos bebês, com sonoridades envolventes e brinquedos simples e divertidos. Entre instrumentos percussivos, violão, brinquedos artesanais sonoros, escaleta, cria-se o inusitado som. E os livros, sem dúvida, fazem parte desse momento do olhar e do tato. E pode rasgar, amassar, experimentar cada textura, porque é assim que se aprende.


__________________________________________________________________________

 

Oficina DOBRADURAS & DIABRURAS

com Cristina Barbosa | 4 a 6 anos




Quer uma paisagem? Faça uma colagem! A vida está dura? Faça uma pintura! Não gosta de nhame? Monte um origami! Está sem amigo? Junto com a gente o mundo é colorido! Uma oficina de criatividade com o uso de desenhos, pinturas e dobraduras.



 

__________________________________________________________________________



Oficina BRINQUEDOS E TRINCADEIRAS

com Pierre André e Rodrigo Libânio | 7 a 9 anos




Marcha soldado, cabeça de papel! Nessa oficina, perca o medo: aqui tudo vira brinquedo. A lata late, a caixa mia, tem imaginação e brincadeira todo dia! Um resgate das brincadeiras do tempo da vovó e a construção conjunta de brinquedos com material reciclável. Uma verdadeira fábrica de alegria.





_________________________________________________________________________ 



Oficina SELFIE REMIX

com Daniel Iglesias | de 10 a 12 anos




Em uma oficina lúdica e instigante as crianças são convidadas a olhar de uma nova maneira para uma das formas mais populares da fotografia na atualidade: o auto-retrato. Partindo de referências históricas do retrato fotográfico e referências contemporâneas do selfie e do remix, as crianças produzem fotos delas mesmas para em seguida imprimí-las e reconstruí-las usando técnicas de colagem e da fotografia lambe-lambe. O processo busca despertar uma nova relação com a auto-representação, deixando de lado questões como a aprovação online e padrões de beleza para focar uma representação mais livre e criativa.


__________________________________________________________________________

 

ATIVIDADES BRINCANTES

com o Instituto O Pequeno Pajé




Sobre o Instituto O Pequeno Pajé:  O Instituto O Pequeno Pajé é uma organização que desde 2014 atua em prol de uma infância plena, em favor do livre brincar e de uma educação para a vida entendendo a infância como parte fundamental desse processo. Por meio de atividades que valorizam o ser humano em seu aspecto multicultural e integrado ao cosmo, propõe espaços de convivência, desenvolvimento e ludicidade nos quais o ser humano educa-se de maneira integrada.Tendo como campo propositor a arte-educação, ressignificamos espaços como praças, parques, ruas, escolas, entre outros, através do brincar propondo diálogos entre as culturas da infância e as multiplas culturas que constituem nossa formação humana. 


__________________________________________________________________________



CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

com Alessandra Visentin




O gosto de contar é idêntico ao de escrever - e os primeiros narradores são os antepassados anônimos de todos os escritores. O gosto de ouvir é como o gosto de ler. Contar histórias é uma das formas mais prazerosas de incentivar a leitura e apresentar às crianças o fantástico mundo dos livros. Neste espetáculo, Alessandra narrou contos literários de alguns livros que serão entregues de presente de dia das Crianças. 



Olha, e não é só a gente que está dizendo que esse dia foi lindo! Pais, mães, oficineiros, contadores de histórias, brincantes e as crianças participantes já deram o recado: QUEREMOS MAIS!




Voltar